Monday, January 30, 2017

COM VOCÊS, MAIS UM ELETRIZANTE EPISÓDIO (O 56°) DA SAGA CONJUGAL "AH, O AMOR"



— Acho que a gente devia se conhecer melhor.

— Também te acho. Vamos falar da gente?

— Deixa que eu começo. Sou de Sagitário, sabe?

— Peraí. Podemos sortear quem começa. Tirar cara ou coroa.

— Eu sempre perco, quando é assim. Não adianta.

— Você acredita em azar?

— Acredito. Não tenho muita sorte em certas coisas.

— É mesmo? Parece que você tem uma vida boa.

— É que eu tenho Saturno no ascendente. Isso é complicado.

— Mas não é necessariamente sinal de azar.

— Você também manja de Astrologia?

— Manjo um pouco, de ouvir falar. Dá pro gasto.

— Então você vai entender. Ainda por cima tenho Urano no meio do céu, em oposição à Lua.

— Mas o mapa não é um destino, só indica tendências. É o que dizem os entendidos.

— Pode ser. Mas preciso ficar sempre alerta. Tudo pode acontecer.

— Caramba, você deve atrair as coisas ruins. Seu pensamento é muito negativo!

— E já perdi a aposta, antes da gente jogar cara ou coroa. Tá vendo só?

— Por que? A gente nem jogou...

— Já estou falando de mim, e você não disse nada da sua vida.

— Não tive muita chance, mas posso falar...

— Ah, lembrei de uma coisa. Minha astróloga disse para eu tomar muito cuidado com desastres, este ano.

— Sei. Você está tomando cuidado?

— Hoje você é que está dirigindo. Por favor, fica com bastante atenção. Fico na maior tensão quando outra pessoa está no volante.

— Tudo bem, eu dirijo devagar.

— Olha, por via das dúvidas, acho que você devia usar um cristal desses aqui, Opala de Fogo. Afasta o azar.

— Mas afinal, o azar te pega ou não?

— Se eu ficar com atenção e manter o bom astral ele não me pega. E de vez em quando passo a mão no meu cristal.

— Você acredita bastante nessas coisas, né?

— Só por essa pergunta já vi que você é meio descrente. Cuidado, a vida pode te dar uma rasteira. Tenta manter a atenção. Sempre.

— Mas eu não disse nada, ainda.

— Nem precisa dizer. Pra quem tem olhos para ver tudo é muito claro.

— Não preciso falar de mim?

— Se isso for importante pra você, fala. Mas acho que nada vai ser novidade. Confio muito na minha visão interior.

— Me diz uma coisa. Você acha que nosso namoro vai dar certo?

— Claro! Por que não daria?





Luiz Antonio Guimarães Cancello
é Escritor, Psicólogo e Professor de Psicologia.
Foi editor, ao lado do poeta Jair Freitas,
da lendária revista cultural ARTÉRIA,
marco da Cultura Santista dos Anos 1980.
Possuí vários livros publicados,
alguns sobre Psicologia,
outros de Ficção,
que podem ser adquiridos
na Realejo Livros
(Marechal Deodoro, 2 , Tel: 13 3284-9146)
na Disqueria Santos
(Conselheiro Nébias, 850, Tel: 13 3232-4767)
ou pelo website
www.luizcancello.psc.com







1 comment: