Thursday, September 28, 2017

A LINDÍSSIMA GWYNETH PALTROW COMPLETA 45 ANINHOS, E NÓS AQUI CELEBRAMOS

por Chico Marques


Gwyneth Paltrow é, sem sombra de dúvida, uma das mulheres mais belas da história do cinema.

Nasceu em Nova York, mas cresceu em Los Angeles, California em berço hollywoodiano nobre: seu pai é o produtor John Paltrow, sua mãe é a atriz Blyth Danner, e seu padrinho de nascimento é ninguém menos que Steven Spieberg.

Desde cedo seu corpo esguio, sua beleza delicada, sua pele clara e seus longos cabelos louros chamaram a atenção de muita gente na Indústria.

E nos primeiros testes cênicos que fez, já deixou claro que era muito mais do que apenas mais um rostinho adorável.

Na verdade, Gwyneth é tão bonita que, mesmo sem os pistolões que ostenta, provavelmente teria vingado no métier.



Gwyneth herdou de seu pai a determinação judaica e de sua mãe a beleza e o talento como atriz, além do pragmatismo alemão e da emotividade irlandesa de seus ancestrais.

Começou a atuar aos 11 anos de idade influenciada pelo pai, e estudou teatro na Escola Feminina Spence em NYC, para em seguida mudar para a California estudar Arte na University of California Santa Barbara.

Estreou no cinema num pequeno papel em Shout: Dois Corações, Uma Só Batida (1991), e ao longo dos cinco anos seguintes participou de filmes bem variados como A Força de um Passado (1993), O Círculo do Vício (1994), Seven: Os Sete Crimes Capitais (1995), Jefferson em Paris (1995), O Jogo da Verdade (1995) e O Primeiro Amor de um Homem (1996).



Foi sua performance como protagonista em Emma (1996), clássico de Jane Austen, que abriu caminho para que a convidassem para papeis de mulheres enigmáticas.

Participou de Hard Eight (1997), soberbo filme de estreia de Paul Thomas Anderson, e no ano seguinte embarcou ao lado de Ethan Hawke no elenco de uma adaptação livre de Great Expectations (1997), clássico de Charles Dickens, sob a direção de Affonso (GravidadeCuarón

Daí para fazer a encantadora Viola em Shakespeare Apaixonado (1998) -- que lhe rendeu merecidos prêmios de Melhor Atriz no Golden Globe, no Screen Actors Guild e no Oscar -- foi um pulinho.

A partir daí, tornou-se uma estrela de primeira grandeza, e brilhou em filmes como O Talentoso Ripley (1999), Os Excêntricos Tennebaums (2001) e Sylvia (2003), e ainda participou da -- para alguns, não para mim (NE) -- ultrajante e divertidíssima comédia dos irmãos Farrelly O Amor É Cego! (2004), ao lado de Jack Black.



Gwyneth Paltrow tornou-se uma das mulheres mais odiadas do mundo quando se envolveu com Brad Pitt entre 1994 e 1997.

Assim que se separou dele, voltou a ser admirada pelas mulheres do mundo todo.

Namorou com Ben Affleck entre 1997 e 2000, e em 2002 casou com o cantor Chris Martin, do grupo Coldplay, com quem teve dois filhos. Separaram-se em 2016.

Tem trabalhado pouco nos últimos anos por motivos de saúde. Suas poucas aparições na tela nos últimos anos foram no divertido e injustiçado Mortdecai (2015), ao lado de Johnny Depp, e como Pepper Dots, a assistente-namorada de Tony Stark em vários filmes das séries Homem de Ferro, Os Vingadores e O Homem Aranha.



Celebramos o aniversário de 45 anos de Gwyneth Paltrow resgatando seus 12 melhores filmes.

Lembrando que todos eles estão disponíveis nas estantes da Paradiso Videolocadora.



JOGADA DE RISCO
(Hard Eight, 1996, 102 minutos, dir.: Paul Thomas Anderson)

Jogador expert Sydney Brown (Philip Baker Hall) ensina um iniciante em blackjack como se dar bem no jogo. Dois anos depois o veterano encontra seu pupilo John,e descobre que ele se tornou um excelente aluno, Ele também o ajuda a conquistar Clementine, jovem garota que trabalha como garçonete. John não se importa que, nas horas vagas, Clementine seja também uma prostituta. Até que um evento muda completamente a vida destas três pessoas.
GRANDES ESPERANÇAS
(Great Expectations, 1998, 111 minutos, dir.: Affonso Cuarón)

Modernização do clássico de Charles Dickens sobre o órfão Bell, seu amor pela bela e fria Estella, criada por senhora cruel que busca vingança contra os homens por ter sido abandonada beira do altar, e o misterioso benfeitor que muda o destino do rapaz.
SHAKESPEARE APAIXONADO
(Shakespeare In Love, 1998, 123 minutos, dir.: John Madden)

O jovem astro do teatro londrino William Shakespeare (Joseph Fiennes) sofre de bloqueio criativo e não consegue escrever sua peça. Um dia, ele conhece Viola De Lesseps (Gwyneth Paltrow), uma jovem que sonha em atuar, algo proibitivo no final do século XVI. Para burlar o preconceito e ter sua chance, Viola se disfarça de homem e começa a ensaiar o texto de Will, que começou a fluir e passou a dar vazão ao amor entre os dois. O que eles não contavam era com o casamento arranjado pela família entre Viola e Lorde Wessex (Colin Firth).
O TALENTOSO RIPLEY
(The Talented Mr. Ripley, 1999, 134 minutos, dir.: Anthony Minghella)

Tom Ripley (Matt Damon) possui um dom incomum: capaz de imitar, com perfeição, a asssinatura, a voz, o modo de se mexer, tudo numa pessoa. Graças a um casaco emprestado, conhece o empresário Herbert Greenleaf (James Redhorn), que lhe oferece mil dólares para ir Europa trazer de volta seu filho, Dickie (Jude Law). Ripley aceita a oferta e termina por desfrutar da boa vida e da amizade de Dickie e de sua namorada Marge (Gwyneth Paltrow), tornando-se hóspede de ambos. Entretanto, desconfianças pairam sob o passado de Ripley, criando situações contrárias aos seus interesses, o que o leva a matar Dickie e assumir sua identidade.
OS EXCÊNTRICOS TENENBAUMS
(The Royal Tenenbaums, 2001, minutos, dir.: Wes Anderson)

Royal Tenenbaum (Gene Hackman) e sua esposa Etheline Tenenbaum (Anjelica Huston) tiveram três filhos, Chas (Ben Stiller), Margot (Gwyneth Paltrow) e Richie (Luke Wilson), e logo depois resolveram se separar. Com o passar dos anos cada um dos filhos demonstrou talentos diferentes, tornando-se todos bem-sucedidos. Chas logo em sua adolescência resolveu investir em bens, demonstrando um dom natural para finanças, enquanto que Margot se tornou uma escritora de sucesso e Richie um tenista profissional de sucesso. Mas toda a história de sucesso dos três jovens Tenenbaums é esquecida quando seu pai resolve reatar os antigos laços e lutar pelo amor de Etheline, que está prestes a se casar com seu contador, Henry Sherman (Danny Glover).
O AMOR É CEGO!
(Shallow Al, 2001, 114 minutos, dir.: Bobby & Peter Farrelly)

Hal (Jack Black) é um homem que segue à risca o conselho de seu pai e apenas se interessa por mulheres que tenham um físico perfeito. Mas tudo muda quando ele por acaso se encontra com Anthony Robbins, um guru de auto-ajuda que o hipnotiza e faz com que ele apenas possa visualizar a beleza interior das mulheres, em detrimento de seu físico. Sem saber que está sob o efeito de hipnose, Hal então se apaixona por Rosemary (Gwyneth Paltrow), uma mulher obesa que é vista por ele como se fosse uma verdadeira deusa. Até que, após ser retirado da hipnose por seu amigo Mauricio (Jason Alexander), ele passa a ver como Rosemary é de verdade fisicamente e precisa tomar uma decisão sobre seu relacionamento com ela.
SYLVIA
(Sylvia, 2003, 110 minutos, dir.: Christine Jeffs)

A história de Sylvia Plath (Gwyneth Paltrow), uma das mais famosas novelistas da literatura norte-americana. Nascida em Boston durante a Grande Depressão, Sylvia ainda jovem tentou cometer suicídio, na casa de sua mãe. Ela viaja à Inglaterra para estudar em Cambridge e lá conhece o jovem poeta Ted Hughes (Daniel Craig), por quem se apaixona e vive um longo romance.
VOANDO ALTO
(View From the Top, 2003, 87 minutos, dir.: Bruno Barreto)

Donna Jensen (Gwyneth Paltrow) é uma garota pobre que desde criança tem um grande sonho: se tornar aeromoça e ter uma vida glamourosa, viajando pelos cinco continentes. Porém, logo ao entrar na Escola para Comissárias de Bordo ela percebe que a realidade será bem diferente do sonho que imaginava.

SKY CAPTAIN E O MUNDO DO AMANHÃ
(Sky Captain & The World Of Tomorrow, 2004, 106 minutos, dir.: Kerry Conran)


Em uma Nova York do final dos anos 1930, a repórter Polly Perkins (Gwyneth Paltrow) descobre que os cientistas mais famosos do mundo estão desaparecendo. Após a cidade ser atacada por imensos robôs voadores, ela resolve pedir ajuda ao piloto e aventureiro e seu antigo namorado Joseph "Capitão Sky" Sullivan (Jude Law) e Dex (Giovanni Ribisi), o fiel ajudante dele. A missão principal do grupo é localizar o megalomaníaco doutor Totenkopf (Laurence Olivier), que está escondido em algum lugar do Nepal e planeja destruir o mundo.
ONDE O AMOR ESTÁ
(Country Strong, 2010, 112 minutos, dir.: Shana Fest)

Kelly Canter (Gwyneth Paltrow) era uma estrela da música country, mas o vício da bebida destruiu sua carreira. Agora que ela saiu da clínica de reabilitação, seu produtor e marido James (Tim McGraw) a quer de volta aos palcos de onde nunca deveria ter saído. Porém, esse recomeço pode ser difícil para ela e, para sair em turnê, os dois contratam jovens artistas para novos trabalhos e abertura de shows. Assim, Beau Hutton (Garret Hedlund) e Chiles Stanton (Leigthon Meester) entram para a trupe. É quando alguns conflitos começam a surgir e o medo de uma recaída vem à tona, mas o brilho de uma estrela nunca se apaga.
TERAPIA DO SEXO
(Thanks For Sharing, 2012, 110 minutos, dir.: Stuart Blumberg)


Adam (Mark Ruffalo) e Phoebe (Gwyneth Paltrow) iniciam um relacionamento, só que quando ela quer apimentar um pouco as coisas, ele hesita pois não está pronto para contar a verdade: de que está passando por um tratamento contra o vício por sexo. Ao lado de Mike (Tim Robbins), Neil (Josh Gad) e Dede (a cantora Pink), Adam faz uma terapia de 12 passos contra essa dependência e compartilha frequentemente seus desafios, medos e confusões sobre o que está passando.
AMANTES
(Two Lovers, 2008, 120 minutos, dir.: James Gray)

Leonard Kraditor (Joaquin Phoenix) já tentou o suicídio diversas vezes. Ele não se recuperou do fim do noivado há dois anos, devido a uma doença, que ele e sua noiva possuíam, que faria com que seus filhos falecessem antes de completar um ano de vida. Seus pais, Reuben (Moni Moshonov) e Ruth (Isabella Rossellini), vivem preocupados com o filho e tentam fazer com que namore Sandra Cohen (Vinessa Shaw), filha de um casal amigo. Os dois se conhecem em um jantar na casa dos Kraditor, mantendo contato a partir de então. Dias depois Leonard conhece Michelle Rausch (Gwyneth Paltrow), sua vizinha, que está refugiada no corredor para evitar o mau humor de seu pai. Leonard oferece estadia em sua casa até que ele se acalme e logo demonstra interesse nela. Entretanto Michelle namora um homem casado, que sempre lhe promete que deixará a família mas nunca cumpre, e ainda tem problemas com drogas. Esta situação faz com que Leonard tenha que se decidir entre a paixão e o risco de viver com Michelle e o carinho e a tranquilidade oferecidos por Sandra.








No comments:

Post a Comment